FRANCISCO OHANA



É ator e dramaturgo. Em 2017 e 2018, atuou em CENAS DO BAIXO e CONTOS DA CIDADE, com direção de Roberto Alvim e Juliana Galdino. Sua dramaturgia ESCUTA!, criada durante as atividades da terceira turma do Núcleo de Dramaturgia SESI Rio de Janeiro, foi publicada em 2018 pela Editora Cobogó. Em 2017, escreveu a dramaturgia de CLASH, a partir de CYMBELINE, REI DA BRITÂNIA, de William Shakespeare, dirigida por César Augusto. Escreveu e atuou em O CAMINHÃO DE MUDANÇAS VERMELHO, peça baseada em conto homônimo de John Cheever e encenada por Andy Gercker em 2015. Entre 2016 e 2017, foi assistente de Moacir Chaves em IMAGINA ESSE PALCO QUE SE MEXE, que realizou quatro temporadas na cidade do Rio de Janeiro. Em 2016, participou como bolsista do British Council do curso Contemporary British and Irish Theatre and Performance, na Universidade de Edimburgo. Ao longo de sua formação, fez oficinas e trabalhou com Thomas Ostermeier, Sergio Blanco, Diogo Liberano, Pedro Kosovski e Carola Saavedra, entre outros. Seu conto GIBRALTAR ficou em terceiro lugar na edição de 2013 do Prêmio Off Flip de Literatura, organizado paralelamente à Festa Literária Internacional de Paraty.



Contato:

franciscohana@yahoo.com.br



Textos para download:

14 instruções para sobreviver

Clash

O caminhão de mudanças vermelho



‹‹‹ voltar